Vale a pena voltar a estudar? Um investimento pessoal importante!

Vale a pena voltar a estudar? Um investimento pessoal importante!

Tempo de leitura: 4 minutos

Concluir o ensino médio já sabendo para qual curso e em qual  universidade vai continuar estudando é um privilégio de muito poucos, infelizmente. Na maioria esmagadora das vezes esse sonho é adiado por muitos anos, às vezes até enterrado e esquecido, por força das circunstâncias de cada um.

Há quem sai do ensino médio direto para o trabalho para ajudar no orçamento doméstico, sem possibilidades de pagar o curso dos sonhos. Há quem opta pelo casamento e filhos, e outras prioridades se apresentam. Há aqueles que simplesmente não reconhecem a própria vocação.

Enfim, são várias as razões, inclusive a falta de apoio e incentivo familiar, o desconhecimentos acerca das possibilidades de utilizar bolsas de estudo, a inexistência de instituições de ensino perto de casa, entre outros.

O fato é que, não importa a idade em que se deixou de estudar, chegará o dia em que a rotina, o desemprego, os filhos criados, o sonho enterrado, levarão à seguinte reflexão: O que eu poderia fazer para melhorar minha situação no futuro? Certeza que a resposta é unânime: Estudar!

Se você se encaixou em uma dessas situações e também acha que a saída é voltar a estudar, vamos à algumas dicas para você encarar bem a volta às aulas! E se você é daqueles que deixou o banco da escola há muito tempo, não desanima, também veremos algumas técnicas de memorização.

No final das contas, você vai concluir que deveria ter voltado a estudar há muito tempo!

Voltar às aulas com motivação e otimismo

O  medo e a insegurança são algumas das sensações que precedem o retorno às aulas.

Tais sentimentos são normais e comuns em qualquer idade, seja 20, 30, 40 ou até 50 anos. Afinal, é uma mudança total da rotina, é sair da zona de conforto.

Bom saber que estes sentimentos vão diminuindo no dia a dia, no enfrentamento da questão mesmo. A recepção dos colegas, a interação em sala de aula com os professores, vão quebrando esse gelo.

E vale a pena sim voltar a estudar, a qualquer tempo!

Principalmente se você já tem filhos e pretende ser exemplo para eles. Nada de sentir culpa pela sua ausência, basta saber priorizar o momento que está com eles. Nesses momentos, a qualidade se sobrepõe à quantidade. Além do que, os filhos crescem, assumem responsabilidades, encontram oportunidades e se vão.

Portanto, seja qual for sua situação, não deixe que nada se torne obstáculo para este propósito tão nobre e tão seu. É perfeitamente possível administrar o tempo e a família poderá contribuir muito mais, à título de incentivo, sem maiores traumas.

Fiquei muito tempo fora da escola. Ainda consigo assimilar e aprender?

As matérias e conteúdos novos a serem aprendidos podem parecer um bicho de sete cabeças, mas não são, tranquilize-se. Você terá professores capacitados para ensinar e que estarão presentes para ajudá-lo no que precisar. Mas, muito do seu sucesso, depende de você!

Observe como conseguir, com apenas algumas técnicas:

  1. Seja questionador. Anote tudo o que quer saber e anote tudo o que lhe foi passado. Revise a aula de hoje antes da aula de amanhã, faça disso um hábito.
  2. Estude em equipe, sempre há algo que você possa explicar para um colega e vice-versa. O conteúdo estudado vai ser fixado, pode apostar.
  3. Outra dica interessante é procurar por filmes que abordem a matéria que você está estudando. O fato de ser um material audiovisual pode ajudar na memorização. Além disso, sempre haverá o fato de se lembrar de um protagonista, um ator conhecido ou algo do tipo. Não fique em dúvida e procure fontes alternativas de informação.
  4. Grife com canetas marca-textos, anotações importantes dos seus livros ou cadernos. Experimente fazer resumos e fichamentos depois da aula dada, só com as informações que conseguir lembrar. Com o tempo, você se surpreenderá com a sua capacidade de memorização.
  5. Retomar a concentração após muito tempo sem praticar, é realmente um desafio, mas perfeitamente possível. Para isso, escolha na sua casa, um ambiente sossegado e bem iluminado para estudar, onde só estejam você e seu material. Livre-se das distrações, peça apoio à família neste sentido.

Conclusão

Voltar a estudar é um plano de ação que envolve sonhos e abre um leque de possibilidades. Ainda que você se desgaste, gaste e se prive de alguns lazeres, tudo é investimento, porque o retorno é garantido.

Lembre-se que todo curso tem hora para acabar, é passageiro. Mas o conhecimento, esse é para sempre. Você jamais será o mesmo de antes, isso é fato. E todos à sua volta irão constatar isso. Portanto, faça o possível para manter o foco e jamais desanimar. Seja você, o próximo a vir contar as dicas para quem ainda não se convenceu que estudar sempre vale a pena.

Animado para voltar às aulas? Aproveite e aprenda agora “como melhorar sua capacidade de memorização”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *