Tudo sobre o curso de medicina veterinária!

Tudo sobre o curso de medicina veterinária!

Está pensando em fazer o curso de Medicina Veterinária, mas, segue em dúvida se vai gostar ou não? Saiba mais aqui neste conteúdo!

Medicina Veterinária. Quem gosta de animais, coloca essa profissão em primeiro lugar da lista. No entanto, é muito importante saber mais sobre essa carreira, o que aprende, sua principal atuação e qual a sua responsabilidade social. Apenas assim, é possível escolher com segurança.

Por isso, aqui neste post, você vai conhecer tudo sobre o curso de medicina veterinária. O primeiro mito que precisa ser desconstruído acerca da profissão é sobre a relação com os animais. Claro que é fundamental gostar da interação com eles, afinal, essa é a essência do curso.

Contudo, mais do que isso, o médico veterinário precisa gostar de humanos. Algumas pessoas surpreendem-se com essa afirmativa, no entanto, essa é a mais pura realidade. A profissão de médico veterinário vai muito além do “cuidar de animais”.

Está mais relacionada com o bem-estar das pessoas. Por isso, para não frustrar-se quando ingressar no curso e saber se é realmente graduação indicada para você, continue conosco. Vamos explicar tudo.

As matérias são muito diferentes da medicina humana?

O médico veterinário é um profissional importante na garantia da saúde e do bem-estar dos seres humanos, mas, de uma maneira diferente da Medicina humana. As matérias possuem uma linha biológica parecida, afinal, ambas estudam seres vivos.

Contudo, o curso de medicina veterinária lhe dará um contato intenso com os animais, desde os pequenos, passando pelos selvagens e pelos grandes. Vai estar no dia a dia com eles, aprendendo mais sobre como seus organismos funcionam e como funcionam do ponto de vista biológico.

No entanto, ao contrário da Medicina, os seus pacientes não falam, o que envolve o desenvolvimento de um perfil investigativo e sensível. É preciso ter preparo emocional para lidar com diferentes situações de saúde dos animais. Também é uma carreira que abrange diversas funções e especialidades e o contato com diversas áreas.

Sua linha de atuação vai desde o trabalho nas clínicas, cuidando dos pets, até estar na linha de frente da cadeia produtiva da proteína animal. Pode exercer o controle de zoonoses, por exemplo, sempre em benefício da sociedade.

Por isso, assim como a Medicina, é uma graduação que possui um forte caráter social. Além da responsabilidade fundamental na qualidade e segurança da produção de alimentos para consumo, o médico veterinário é peça fundamental no complexo de atividades sociais e econômicas do país.

Essa é a essência da graduação e especialização nessa área. Desta forma, quem escolhe seguir essa carreira precisa estar consciente que possui uma enorme participação na segurança nacional, responsável por verificar a qualidade e o status sanitário do que se produz, assegurando a saúde dos seres humanos.

Onde um veterinário pode atuar?

Como mencionado acima, o médico veterinário possui um leque imenso de atuação. Pode dedicar-se a manter a saúde e o bem-estar de animais silvestres e dos de estimação e no melhoramento da cadeia produtiva de carne, leite e ovos.

Pode trabalhar no setor privado, na área de vendas de medicamentos e vacinas, como também pode seguir uma carreira pública e ser auditor do Ministério da Agricultura. Com todos esses fatores que acabamos de mencionar, é simples visualizar como é amplo o mercado de trabalho para esse profissional.

Ao final do curso de medicina veterinária, a pessoa estará apta para trabalhar com saneamento, sustentabilidade ambiental, ser inspetor nas indústrias de bens de origem animal, na fabricação de medicamentos e produtos veterinários.

Também terá conhecimentos em como atuar em clínicas, pet shops e estabelecimentos especializados para tratamento dos animais, atendendo animais de companhia ou silvestres. Pode ser autônomo e atender em domicílio ou ser empresário e ter sua própria clínica.

Pode ser pesquisador em instituições públicas ou privadas ou seguir para a linha de docência, preparando os futuros médicos veterinários para atender e ajudar no crescimento do País. O leque de atuação é extremamente vasto.

Como é o mercado de trabalho para a Medicina Veterinária?

Devido às diversas formas de atuação, o mercado de trabalho para Medicina Veterinária é vasto e, normalmente, possui muitas vagas no setor público e no privado.

Por exemplo, existem cerca de 35,7 mil empresas no setor de alimentos, responsáveis por gerar 1,61 milhão de empregos diretos. Todas essas empresas precisam de técnicos que sejam médicos veterinários.

Além disso, o profissional pode ser fiscal agropecuário do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) ou ainda de outras instituições de âmbito municipal e estadual espalhadas por todo o País.

Outra maneira de exercer a profissão é realizando a perícia dos produtos que têm origem animal ou ainda atuar na defesa sanitária animal, na vigilância do trânsito e todos os seus produtos.

Como o Brasil é um dos maiores exportadores de carne do mundo, existem muitas vagas para essa especialização. Para finalizar, o médico veterinário pode seguir a linha acadêmica e dar aula nas universidades. Hoje em dia, existem centenas de graduações de Medicina Veterinária pelo País.

Quanto ganha um veterinário?

Em média, o médico veterinário ganha, em média, R$4.016,15 por 39 horas semanais no mercado de trabalho brasileiro. Claro que a remuneração varia conforme o tempo de experiência e o tamanho da empresa.

Para setores de prestação de serviços e de produção de alimentos a remuneração chega a ser um pouco mais alta, com médias salariais de R$ 2.472,00 e R$ 3.107,00, respectivamente.

Caso você tenha se interessado em fazer o curso de medicina veterinária, vale lembrar que para atuar diretamente em qualquer uma dessas áreas, é estritamente necessário obter o diploma de graduação e o registro no Conselho Regional de Medicina Veterinária (CRMV) do seu estado.

Em média, a graduação dura 10 semestres (5 anos) e, usualmente, no último semestre é reservado o estágio obrigatório. Quem possui limitações de horário ou proximidade com a universidade, existem cursos de graduação EAD que ajudam ao acesso ao diploma, com a mesma validade do presencial.

A carreira em Medicina Veterinária é apaixonante e desafiadora. É uma profissão que possui um caráter social muito significativo, fundamental na garantia da saúde e do bem-estar dos seres humanos.

Por isso, possui um leque imenso de atuação, diversas opções de caminhos para seguir, remuneração compatível e reserva de mercado. É uma carreira que desenvolve seu lado pessoal, acrescentando empatia e sensibilidade, e o lado profissional, aumentando seu pragmatismo e gestão de responsabilidades.

Enfim, a medicina veterinária sempre foi uma carreira conceituada e deve estar no seu radar. Considere essa possibilidade, teste suas habilidades e procure uma instituição de ensino renomada.

Quem sabe, em breve, você não será um dos médicos veterinários que cuidam dos rebanhos, da qualidade da comida, dos animais de estimação e dos brasileiros?

Conhece alguém que gostaria de saber sobre a rotina do médico veterinário e iria adorar receber essas dicas? Compartilhe com seus amigos e amigas e fique de olho no nosso blog!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *