Como escrever melhor: Conheça essas dicas para melhorar sua escrita ainda hoje

Como escrever melhor: Conheça essas dicas para melhorar sua escrita ainda hoje

Escrever é uma arte que requer prática, técnica e reconhecimento, não é como muitas pessoas por aí, que acreditam que para escrever um bom texto basta juntar palavras.

Este artigo busca mostrar para vocês qual a melhor forma de lidar com esse aprendizado, quais as práticas que podem te ajudar, sem sair da sua casa.

Afinal, como tudo na vida, a prática leva à perfeição! Nenhum jogador de futebol nasceu sabendo como chutar uma bola. Nenhum físico nasceu sabendo física. Ninguém nasce sabendo escrever. Realmente é uma arte, existem pessoas que discursam muito bem, mas têm dificuldades em colocar as ideias no papel.

Porém, isso não é um monstro de sete cabeças e toda pessoa pode sim aprender algumas técnicas e se tornar um grande escritor, basta praticar. Pois como já dito, é prática que leva à perfeição. Atente-se às dicas:

Leia

Essa é uma dica básica, todos que querem desenvolver a arte da redação já se aperceberam que a leitura e a escrita estão diretamente ligadas. Isso porque nossa mente é condicionada, quando lemos muito, automaticamente descobrimos novos vocabulários, formas de escrever, estruturas gramaticais, etc.

Tudo isso é “arquivado” pelo nosso subconsciente, e sem que a gente perceba, começamos a considerar trechos e passagens lidas como referências para futuras escritas.

Ou seja, é como se você começasse a escrever como seu autor preferido ou tentasse pelo menos. E isso é aprendizado constante: ler, escrever, readaptar e continuar essa evolução sempre.

Ler sempre será uma ótima dica, simples, fácil e verdadeira e não raras às vezes, prazerosa. Leia os mais variados temas, de simples à complexos, infantis e adultos, todo o acervo auxiliará seu cérebro a se desenvolver, e com ele, toda a sua criatividade e habilidade de escrever.

Crie um blog

Essa dica é para que você escreva sobre o que gosta, uma boa oportunidade de unir prazer e habilidade de redação.

Isso porque é lógico o raciocínio: se você tentar escrever sobre algum tema que não gosta, é normal que não faça com tanta vontade e empenho, daí, o resultado pode não apresentar a qualidade que você gostaria.

Vamos ao exemplo prático: Imagine que você tenha um blog e goste muito de falar sobre viagens. Poderá criar histórias narrativas, descritivas ou falar sobre o que quiser da forma como quiser, mas terá que conquistar seu leitor.

Para isso, você fará pesquisas (estará lendo) sobre os locais de destino das viagens, comparando artigos, qualificando seu texto e “arquivando” no seu cérebro, informações valiosas para produções futuras.

Com o tempo, ler e escrever serão um hábito e você desenvolverá bem sobre qualquer tema.

Escreva corretamente, mesmo na internet

As pessoas não fazem ideia de como isso é importante. Escrever bem é escrever corretamente!

Quando deixamos de lado a preguiça e a tendência a abreviar todas as palavras, nós estamos condicionando nosso cérebro a se tornar mais crítico e observador.

As palavras sempre devem ser utilizadas da forma correta, não hesite em consultar o dicionário (ou o Google, desde que a fonte seja segura), mas não escreva errado. Evite o perigo de deslize, distração ou erros bobos, decorrentes dos maus hábitos, criados pela internet.

Pratique em qualquer lugar e em qualquer hora

Se pararmos para prestar atenção, o nosso cotidiano é uma fonte inesgotável de temas, que podemos utilizar para escrever o tempo todo. Tenha sempre um caderno em mãos, nem que seja um de bolso. Anote, registre fatos, escreva um bilhete, um recado, um poema, uma história.

Adquira o hábito de escrever tudo o que passar na sua cabeça, seja um texto curto, longo. O importante é escrever. Tempos depois, você ficará encantado de relembrar fatos e coisas, além de perceber a evolução e o desenvolvimento da sua habilidade de escrita, da sua criatividade, do seu senso crítico, sem falar da sua capacidade de observação.

Assim seus textos terão cada vez mais peso, relevância e sentido. Técnicas de escritas começarão a ser dominadas e a estrutura dos seus textos ficarão cada vez mais coerentes, com toque profissional.

Peça a opinião de terceiros

É o famoso feedback. Ele é muito importante, afinal, acontece muito, quando escrevemos, de não percebermos nossos próprios erros. Passamos despercebidos erros bobos, falhas na estrutura, concordância verbal, etc.

Além de receber esse tipo de retorno, você ainda se atentar sobre o que as pessoas acharam do seu texto, se compreenderam aquilo que você desejava transmitir e também se você está no caminho certo ou não.

A partir daí, fica mais fácil para você realizar correções, adaptações e continuar progredindo com a sua produção e com sua evolução como escritor.

Conclusão

São muitas as dicas que podemos passar, porém a mais importante de todas é a repetição, a prática. Ninguém escreve uma obra prima de primeira, o trabalho é constante, assim como o estudo, a pesquisa.

Escrever todos os dias, ler artigos ou livros, andar com bloco de notas, alimentar redes sociais, blogs, escrever críticas e análises de filmes, escrever de forma correta na internet, certamente são bons hábitos que formam o bom escritor.

São hábitos que devem ser implementados em sua rotina, para que um dia você consiga fazer cada uma dessas coisas de forma natural e espontânea, criando seu próprio estilo.

Escrever nos permite transmitir conteúdo, informação, conhecimento. Permite atingir novos níveis de interação: ensinar, orientar, entreter. Para quem gosta é um prazer e para quem lê é uma arte.

Seja lá o que você tiver vontade de escrever, faça com vontade: estude, pesquise, leia e releia, escreva e reescreva, quantas vezes sentir necessidade. Assim como foi falado várias vezes neste artigo, existem várias dicas para te fazer um bom escritor, mas o que de fato te coloca lá em cima, é a prática e a repetição.

Gostou das dicas? Então indique para algum amigo ou acesse nosso blog e fique por dentro de tudo do mundo universitário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *